Publicado em

Como utilizar o Google Formulários para aulas remotas

Quer saber um jeito simples de registrar os atos escolares remotos para validar os dias letivos e não correr o risco de trabalhar agora e ainda ter que repor as aulas em dezembro, janeiro e fevereiro de 2021?

É simples! Use o Google Formulário.

As Resoluções dos Conselhos Estaduais de Educação (CEE) para esse tema têm pedido, minimamente:

1. Identificação do aluno.

2. Registro do conteúdo.

3. Evidência de cumprimento das atividades propostas.

(Consulte a Resolução do CEE do seu estado.)

Por isso, utilizar o Google Formulário é uma boa opção. Você terá todos esses registros. Confira como fazer:

=>  Lembrando que é interessante utilizar UM formulário por aula. Para atender a maioria das resoluções e conseguir validar suas aulas remotas.

1. No título: a data e o tema da aula.

2. Na descrição: explique os objetivos, metodologia, liste os conteúdos (como no plano de ensino) e avaliação.

3. No corpo do Formulário:

– Identificação. Uma pergunta para o nome, outras para o número da turma, RA.  (O que mais achar necessário).

– Conteúdo: insira vídeo, texto, áudio, links, etc. A ideia é que tudo fique centralizado em um único formulário. Assim o professor, escola ou IES podem enviar apenas um link por aula aos alunos (o link do Google Forms), o que facilita e simplifica muito a comunicação.

– Evidência de cumprimento das atividades

  • Questões de múltipla escolha. Cinco a dez questões objetivas. Dica: já ative a correção automática (Modo Teste do Google Forms). Assim, seu aluno terá um feedback imediato, logo após enviar suas respostas. Feedback imediato é fundamental para aprendizagem.
  • Perguntas abertas. Pode pedir para o aluno fazer um resumo, dar sua opinião, defender seu ponto de vista, justificar ou mesmo descrever seus sentimentos. A ideia, aqui, é ser algo autoral e individual.

4. Registro: quando o aluno clica em “Enviar”, o Google Forms cria automaticamente uma Google Planilha associada a este Formulário. Logo no primeiro campo da planilha é registrado a exata data e hora (carimbo de data e hora do servidor). Ao clicar em “Enviar”, na sequência, aparece a pontuação do aluno, nome e perguntas de identificação, e as respostas para cada pergunta. Tudo registrado, um aluno por linha.

5. Relatório de aula: professor deve entrar nessa planilha, clicar em “Arquivo” depois em “Imprimir”.

6. Enviar esse relatório de aula para o coordenador.

Essa é a forma mais fácil, rápida e segura de atender os requisitos para revalidação ou equivalência das atividades realizadas fora da escola, em dias letivos no Ano Letivo 2020.

Prof. Paulo Tomazinho

Doutor em Educação. Especialista em aprendizagem e tecnologias educacionais.

Google Certified Innovator

www.tomazinho.com.br

Veja também: https://tomazinho.com.br/lockdown-covid-19-a-aprendizagem-nao-pode-parar/